segunda-feira, 5 de outubro de 2015

Dicas para administrar suas finanças

Dicas para administrar suas finançasNunca é tarde para aprender a administrar seu próprio dinheiro, ainda mais em tempos de inflação alta, economia em crise e fortes flutuações do Real. Nesse cenário, fica cada vez mais importante ter um bom controle sobre os próprios gastos, procurar quitar todas as suas dívidas e se planejar para realizar novos gastos no futuro. Como você faz esse controle? Nós podemos te ajudar nessa tarefa! Confira nossas dicas para administrar finanças pessoais:

Acompanhe de perto suas despesas

Não pague suas contas sem antes analisar minuciosamente o conteúdo de cada uma. São vários os
erros e as cobranças indevidas em nossas contas e podemos perder muito dinheiro ao pagá-las sem questionar. Assim, procure contestar cobranças indevidas, renegociar contratos de prestação de serviços (telefonia, Internet, TV, assinaturas de jornais, etc.) e diminuir ao máximo suas despesas.

Planeje-se para quitar suas dívidas

Uma boa administração financeira conta com mecanismos de quitação de dívidas. Afinal, como esperar uma conta no azul, quando há mais dívidas do que receitas? Para isso, trace uma estratégia de quitação de suas dívidas, com prazos e alocação de recursos especificamente para esse fim. Fuja dos juros e multas por atrasos!

Use aplicativos de controle financeiro online

Por que não usar a tecnologia também para controlar as finanças pessoais? Uma das melhores ferramentas disponíveis atualmente é o controle financeiro online do Meu Dinheiro Web, que te ajuda a realizar diversas funções: gerenciamento de gastos; classificação de despesas e receitas de acordo com a natureza de cada uma delas; estabelecimento de metas de orçamento; importação automática de extratos bancários etc. Ainda é possível acessar o programa por meio de celulares e tablets, bem como compartilhar seu conteúdo com outras pessoas, como seu cônjuge.

Envolva sua família no planejamento orçamentário

Por falar em compartilhamento com outras pessoas, é imprescindível envolver os membros de sua família na administração das finanças. Afinal, eles também gastam e contribuem para a receita da família. Assim, procure estabelecer metas de economia e consumo em conjunto, analisando gastos e fazendo concessões que sejam para todos.

Procure usar menos o cartão de crédito e mais o cartão de débito

Utilizar o cartão de crédito significa postergar um pagamento que deverá ocorrer de uma forma ou de outra. Procure restringir ao máximo seu uso, parcelando somente aquelas compras impossíveis de serem pagas à vista. Dê preferência ao uso do débito, pedindo sempre descontos para esse tipo de pagamento.

Tenha um “colchão financeiro”

Nunca se sabe quando será necessário acionar um “colchão financeiro” para gastos inesperados, como emergências médicas, problemas com o automóvel e reformas de última hora na casa. Por essa razão, tenha sempre uma aplicação de fácil resgate, com a qual você poderá contar em momentos de maior necessidade.

Procure levar uma vida mais frugal

Muitos problemas financeiros que vivemos hoje em dia poderiam ser evitados se vivêssemos uma vida com menos gastos. Consumimos produtos e serviços dos quais nem mesmo precisamos, por isso é importante pensar duas vezes antes de realizar qualquer compra. Procure viver um estilo de vida mais frugal, com menos gastos de consumo e mais proveito das coisas que você já tem.
E você, o que tem feito para administrar suas finanças? Deixe aqui nos comentários dúvidas e sugestões sobre nossas dicas! Participe


Fonte: finançasforever
Postar um comentário